Farinhas na Umbanda!

36338988_1708683862513340_2785636773672255488_nNa Umbanda temos a utilização de vários elementos minerais, vegetais e animais. A manipulação desses elementos é a forma de magia encontrada para a captação de energia das sagradas forças da natureza (Orixás) e Entidades para beneficiar alguém que esteja necessitando.

Um dos principais elementos utilizados é afarinha, mais precisamente, a farinha de Mandioca (Elemento terra) e a farinha de Milho (Elemento ar).

A farinha de mandioca é usada quando necessitamos de energia Telúrica ligada a Terra, assuntos materiais, tendo sua principal regência na força de Exu (ESQUERDA), mas que também pode ser usada destinada a outros Orixás dependendo do que se busca alcançar.

A farinha de milho está ligada a energia etérica, ao ar, ao sol, a lua, ao vento, é usada para alcançar objetivos e energias ligadas ao Espiritual, fortalecimento, axé!

Existem diferentes modos de utilizar as duas farinhas, os mais comuns é mistura-las com mel, azeite de dendê, azeite de oliva, pinga branca e água. Cada elemento deve ser usado para uma finalidade diferente, não é errado misturar vários elementos em uma única farinha, tendo como exemplo o padê de Exu que utilizamos como um “agrado”.
Porém quando se espera alcançar algo especifico de Exu, Orixá ou qualquer outra entidade, os elementos devem ser usados isoladamente.

Quando buscamos a purificação, decantação ou limpeza, devemos usar a farinha misturada com a Pinga Branca.

Para alcançar união, fortalecimento em uma relação, não apenas amorosa, mas também por exemplo uma união empresarial, fortalecimento de uma amizade, etc… a farinha deve ser misturada com mel.

Quando a necessidade for ter poder de realização material, força para um objetivo material ou espiritual, prosperidade, devemos misturar a farinha com Azeite de Dendê.

Para se conseguir equilíbrio em determinado setor da vida, foco mental e equilíbrio emocional, a mistura da farinha deve ser feita com Azeite de Oliva.

E por fim a farinha misturada com água serve para gerar esperança, para renascer a vida e dar a manutenção energética que necessitamos para continuarmos caminhando com axé!


Comentar com Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *