O GUARDIÃO TRANCA RUAS:

maxresdefault

O Guardião Tranca Ruas pode ser tudo o que queiram, menos como tentam mostrar: Um demônio. Jamais foi ou é o que este termo deturpado significa na atualidade e nem o aceita como qualificativo das suas atribuições: Trancar a evolução dos desqualificados, desequilibrados e desvirtuados espíritos humanos.
Odeia os que odeiam, sente asco dos blasfemos, nojo dos invejosos, repulsa pelos falsos, ira pelos soberbos e pena dos libidinosos.”
Assim é TRANCA RUAS, por Origem, Natureza e Formação, um Exú de força consistente, que vem na terra fazer a caridade, ajudar os aflitos e obsediados, derrubar magias negras, proteger seus filhos queridos, ensinar o caminho da evolução.

O Senhor Exú Tranca Ruas é enviado direto de Pai Ogum.
Tranca Ruas é a Entidade de Luz que abre ou fecha os caminhos dependendo da necessidade.

Na Quimbanda É assistente direto de Beelzebuth (Mór), no Reino do Poder. Da mesma forma que Seu Sete Encruzilhadas (Aschtaroth), Seu Tranca Ruas tem o domínio das estradas e caminhos, onde executa as ordens dos maiores. Sendo uma Entidade que dirige um grande número de trabalhadores, tem a sua posição na escala hierárquica do seu povo, em quase idêntica igualdade de condições do seu “mano” Marabô. Possui o seu ponto esotérico, bem como, os seus pontos riscados e cantados, diferindo os mesmos de acordo com as irradiações santos empregos nas quais são realizados os seus infindáveis trabalhos de alta magia. à Seu Tranca Ruas são entregues todos os pedidos feitos nas encruzilhadas. Seu Tranca Ruas foi o primeiro enviado, pelo seu maioral, para fazer contato para a formação de segurança e abertura de trabalhos de magia, condição esta do máximo respeito que deve-se a esta Entidade, e também a razão do tridente, que o identifica, aparecer em todos os pontos riscados de esquerda e nas tronqueiras deverá ser assentado o seu ponto como segurança geral.

Na Umbanda
O grande agente Mágico do Equilíbrio Universal. É o Guardião dos Caminhos, companheiro dos Pretos Velhos, Caboclos, aparador entre os homens e os Orixás, lutador incansável, sempre de frente, santos empregos sem medo, sem mandar recado. Senhor da escuridão e do plano negativo atuam dentro de seus mistérios, regendo seus domínios e os caminhos por onde percorre a humanidade.

CULTO AO SENHOR TRANCA RUAS –

DIA DA SEMANA – Segunda-feira

FIRMEZA – 1 Vela Bicolor preto e vermelho, um copo com wisk e um bom charuto.

OFERENDA PARA ABRIR CAMINHOS – 1 alguidar de barro, Farinha de mandioca crua e grossa, azeite de dendê, marafo, pimenta do reino, pimenta calabresa, 7 moedas de maior valor, 7 folhas da fortuna, 1 pedaço de ferro, 3 velas bicolor preto e vermelho e 1 charuto.

MODO DE PREPARO – Lave o alguidar com o marafo, coloque a farinha, azeite de dendê, marafo, pimenta do reino e pimenta calabresa e misture bem com as mãos.
Coloque o pedaço de ferro ao meio da farinha, em volta coloque as 7 moedas e por fim coloque em volta das moedas as 7 folhas da fortuna.
Coloque a oferenda e acenda as 3 velas formando um triangulo com a oferenda ao meio, acenda o charuto, bafore a fumaça do charuto 7 vezes sobre a oferenda e depois coloque o charuto ao lado.
PEÇA AO SENHOR TRANCA RUAS QUE ABRA SEUS CAMINHOS E QUE CONFORME SEU MERECIMENTO, ATENDA SEUS PEDIDOS.
ESTA OFERENDA PODE SER FEITA EM UMA ENCRUZILHADA OU EM SEU LAR AO LADO DE FORA (QUINTAL).

BANHO DE FORÇA DO EXU TRANCA RUAS – 7 folhas de pinhão roxo, folhas de jabuticabeira e 7 folhas da fortuna.

MODO DE PREPARO – Em um pote de vidro, barro ou plastico, macere em água pura as ervas citadas acima, extraia bem o sumo.
Enquanto estiver preparando o banho, ir mentalizando a força do Guardião Tranca Ruas e realizando seus pedidos.
Depois de pronto o banho, deve ser jogado no corpo do pescoço para baixo.
ESTE BANHO PODERÁ LHE AJUDAR COM FORÇA PARA CONQUISTAR SEUS OBJETIVOS, ABERTURA DE CAMINHOS, CONEXÃO COM O GUARDIÃO TRANCA RUAS.
É RECOMENDADO TOMAR UM BANHO DE DESCARREGO ANTES DE TOMAR ESTE BANHO DE AXÉ.

 

PONTOS CANTADOS AO EXU TRANCA RUAS –

Quando o sol aqui não mais brilhar
Quando a lua o seu clarão refletir
É sinal que está na hora
É ele quem chega agora
Já deu meia noite
Tranca rua é quem chega aqui
Jurou amar alguém na encruzilhada
Jurou fazer o bem de madrugada
E hoje com fé
Companheiro e amigo leal
Quebra feitiço e também desfaz o mal
E toda vez que na rua eu caminhar
E ouvir de longe sua voz a ecoar
Tenho certeza que agora não ando sozinho
Seu tranca ruas é o dono do meu caminho


De capa e cartola caminha na madrugada
Andarilho da estrada, sempre combatendo o mal
Seu Tranca Ruas é amigo camarada
Dando forte gargalhada, me livra de todo o mal
A laroiê Exu, a Mojubá
Melhor que Tranca Rua das Almas não há
Sete marafos coloquei na encruzilhada
Sete velas e charutos, também levei um padê
A meia noite chamei por seu Tranca Ruas
Ouvi forte gargalhada, ele veio me valer
A laroiê Exu, a Mojubá
Melhor que Tranca Rua das Almas não há
Faço um pedido no meio da encruzilhada
Pra Tranca Rua das Almas, antes do galo cantar
Se o galo canta, é sinal que ta na hora
Firma gira meu Ogã que Tranca Ruas vai embora
A loroiê Exu, a Mojubá
Melhor que Tranca Rua das Almas não há


Deu meia noite, a lua se escondeu
Lá na encruzilhada dando a sua gargalhada
Tranca Rua apareceu
É Laroê, laroê, é loroê
É Mojubá, mojubá, é mojubá
Ele é Odara dando a sua gargalhada
Quem têm fé em Tranca Rua
É só pedir que ele dá

 

 

AXÉ IRMÃOS!!


2 ideias sobre “O GUARDIÃO TRANCA RUAS:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *