O que a mediunidade nos traz?

mediunidade 1

Quando a mediunidade aparece, é um sinal dizendo: Está na hora de evoluir espiritualmente e sair do sono evolutivo que sua alma está. É um sinal que avisa que chegou o momento de se tornar útil para o universo, ajudando Deus Pai, Nosso Criador em Sua missão, que é a evolução espiritual em massa. É por isso que ela aflora. Simplesmente porque todos nós temos que trabalhar nossa mediunidade, já que temos que contribuir para a evolução consciente do universo.

Existem muitas pessoas que sentem um impulso interior, e por sua natureza particular, acabam se integrando ao fluxo evolutivo do universo, desenvolvendo atitudes altruístas, mostrando força de vontade espiritual, porém muitas vezes, nem se dão conta que existe esse termo: Mediunidade.

Por que isso?

Simplesmente porque uma consciência altruísta, (que é e sempre foi a mensagem presente como pano de fundo, toda vez que o assunto é a mediunidade), já está impregnada na essência dessa pessoa.

A mediunidade manifesta um sinal do universo, que indica sutilmente que ela precisa se alinhar a vontade maior de Deus. O aviso acontece como uma leve “dica” que o Grande Pai nos dá, mostrando-se como um chamado da consciência do indivíduo para uma causa maior. Dizemos leve, porque naturalmente quando não há compreensão, os avisos continuam a surgir, no entanto com maior nível de cobrança e rigor, que podem se manifestar por dores, crises, conflitos e desequilíbrios de toda ordem. Não porque Deus é punitivo e castiga, mas porque “trancar a correnteza do rio e nadar contra a maré”, sempre gerará consequências.

E A Mente Superior, por diversas vezes, dá indícios ao indivíduo, que já passou da hora de se reconhecer plenamente como um ser espiritual, que é o momento de aprofundar o estudo e praticar um estilo de vida voltado para evolução e a expansão da consciência. Principalmente compreender que o mundo físico, materialista e alienado do Todo, é apenas um teatro necessário para nossa experiência e evolução.

Nunca poderemos nos perder nos conceitos e paradigmas (às vezes, tão complicados) relacionados à temática, isso porque toda forma de mediunidade sempre será um convite para a pessoa na jornada da reforma íntima.

Como desenvolver a mediunidade?

Como a mediunidade é um sinal que essencialmente nos traz a mensagem que precisamos evoluir e contribuir para evolução da humanidade, nada mais sensato que aceitar o convite e mergulhar fundo na proposta. Por isso tudo que caminhar nessa direção, não de maneira leviana ou desinteressada, mas com intenção e dedicação, é um passo importante e condizente ao fluxo do universo. Também pode ser considerado sensato, já que não cria obstáculos a esse fluxo intenso de energia.

Altruísmo consciente é um belo estilo de vida. Ajudar as pessoas a se ajudarem, respeitar o tempo de cada um. Não dar o peixe, ensinar a pescar.

Essa forma de caridade, foca na humanidade, no coletivo, mas sabendo dar limites, com equilíbrio, com sabedoria. O interessante disso tudo é que o universo não está pedindo muito de nós, apenas simples atos, sem exigências incabíveis, totalmente sensatas. Mesmo assim, somos negligentes!

O RESUMO: A mediunidade pede consciência espiritual, ou seja, desenvolvimento de nossa espiritualidade.

POR: BRUNO J. GIMENES