Oração ao Orixá Oxóssi

oxossi

Divino Pai do Reino Vegetal,
Onde há Vida se renova sem sangrar,
Quero beber da seiva pura das Tuas matas,
Para me curar e renascer.
E nos Segredos encantados onde habitas,
Peço licença para entrar e aprender.

Busco a cura da alma e do corpo
E sei que no Teu Reino vou encontrar.
Vou me cobrir de folhas
E me banhar dos seus segredos,
Limpando a mente das ilusões e medos;
Mirar o Alto da Tua Sagrada Flecha,
Que às Luzes do Criador vai me guiar.
Quero abraçar os animais e as plantas
A quem dedicas tanto Amor,
Assim nos ensinando que toda vida é Santa,
Embora feita de elos desiguais,
Mas que se juntam sob o Teu comando
Para varrer do mundo a ignorância e a dor.
Divino Pai,
Que nos ensinas a todo o instante
E a vida inteira,
Tu és o nosso Educador e Mestre,
A nos mostrar o valor de cada espécie
Do fabuloso Mundo em que campeias,
Extraindo sucos e remédios,
Domando feras e elevando os homens
Para honra e glória de OLORUM,
A nos mostrar
Que diante DELE e NELE, nós somos Um!…
Okê, Oxóssi!
Amado Paizinho,
Senhor da Flora e da Fauna,
Arqueiro Sagrado de OLORUM,
Que venha a nós a Cura Soberana
Do Teu Conhecimento Iluminado!
Dá-nos a Tua bênção, Divino Instrutor!

Psicografia Fátima, 13/4/2012.