BANHO DA ALEGRIA!

6ed86a_b7c014c717f7492aa19a76bc28aca38a

Olá, irmãos de Fé!!

Sexta feira, chegando o fim de semana, nada melhor do que chegar em casa no fim da tarde e tomar um bom banho energizante, que levante o astral e nós deixe mais alegres e feliz.

2 litros de água
3 paus de canela

Continuar lendo

BANHO DE ERVAS REVIGORANTE

amaci-031

Na hora de usar seu banho,faça uma mentalização,imaginando raios de sol entrando em sua mente,sinta uma brisa suave lhe envolvendo , pense que sua energia está sendo renovada, que a vontade e o desejo estão ressurgindo em todo seu ser,sinta paz e harmonia.
Esse banho serve para desanimo,tristeza,cansaço e falta de energia física.

Continuar lendo

FORMAS DE USO DAS ERVAS:

ERVAS

Olá, Irmãos!

Chamo a atenção para as formar de uso das ervas abaixo, precisamos ter bom conhecimento sobre as ervas para realizar cada procedimento, conhecer sua função e combinação perfeita antes de utiliza-las.

Decocção:
Recomenda-se usar as partes de tecidos mais grosseiros das ervas, como raízes, rizomas, sementes, casca e talos.
No caso de se querer usar partes mais tenras, é preciso deixar no máximo por 10 minutos no cozimento.
Modo de fazer: 1. Separe as partes da planta que lhe interessam e lave-as cuidadosamente.
2. Encha uma panela com água mineral e leve ao fogo, juntamente com a planta.
3. Deixe cozinhando por 15 a 30 minutos.
4. Após esse tempo, retire do fogo e deixe a panela tampada por mais alguns minutos antes de usar.

Infusão: conhecida popularmente por chá. Recomenda-se usar as folhas, flores e tecidos tenros. No caso de se querer usar partes mais grosseiras da erva ou planta, é necessário picar bem miúdo e deixar a solução em repouso por mais tempo.
Modo de fazer: 1. Separe as partes da planta que lhe interessam e lave-as cuidadosamente. Você poderá usar varias plantas misturadas, desde que sejam provenientes de órgãos vegetais idênticos.
2. Encha uma chaleira com água mineral e leve ao fogo.
3. Quando alcançar fervura, desligue e mergulhe nela as partes da(s) ervas ou plantas. 4. Tampe a chaleira e deixe a solução abafada por cerca de 5 a 10 minutos.

Maceração: pode-se usar qualquer parte da planta ou erva. Modo de fazer:
1. Separe as partes da planta que lhe interessam e lave-as cuidadosamente. No caso de partes mais grosseiras, picar com as mãos em pedaços pequenos.
2. Reserve uma bacia de louça (branca) com água mineral fria.
3. Coloque de molho as partes da planta, e macere até chegar no ponto desejado.

Pomada: uso tópico para massagear partes do corpo e tratar de problemas de pele e musculares.
Modo de fazer: 1. Em uma panelinha pequena e de preferencia usada somente para este fim, coloque 50g de óleo vegetal de boa qualidade.
2. Coloque 1 colher de chá de óleo de germe de trigo.
3. Coloque 1 colher de sopa de cera de abelhas ralada.
4. Deixe ao fogo bem baixo ou use uma panela em banho maria e mexa até a cera estar bem derretida (cerca de 3 minutos).
5. Deixe esfriar um pouco e junte 1 colher de sopa de erva bem picada. Se a pomada ficar muito dura aumente um pouco a quantidade de óleo, se ficar muito mole é porque a quantidade de cera foi pouca.

Sal aromático: preparado com o uso de óleos essenciais. Modo de fazer:
1. Escolha os óleos essenciais desejados
2. Pingue as gotas que achar necessário, pode ser feito com sal grosso (colocar na banheira) ou sal fino (colocar em uma espoja e friccionar pelo corpo) o sal fino serve para ativar a circulação, para promover a limpeza e eliminação de toxinas.
3. Coloque a mistura em um pote de vidro, e deixe descansar por 15 dias, antes de usar.

Tintura: a extração dos princípios ativos da planta é feita por solventes, que podem ser o álcool de cereais, a vodca, o vinagre ou glicerina. Nunca deve ser usado diretamente em contato com a pele. Recomenda-se diluir previamente em água mineral.
Modo de fazer: 1. Transforme a(s) erva(s) desejadas em pó.
2. Coloque em um vidro escuro, e cubra com uma das opções de solventes acima.
3. Agite bem o vidro por 15 dias.
4. Após esse período, coe bem e deixe sempre em um vidro escuro, em local fechado e sombreado.

Cataplasma: use plantas frescas ou secas(pó), o objetivo é aquecer o local em que é aplicado, umedecer e estimular a circulação.
Modo de fazer: 1. Pegue as ervas e lave-as muito bem
2. Triture bem as ervas
3. Misture tudo em água quente e aplique sobre o locar desejado.

Unguento: usa-se a planta fresca, indicado para casos de contusão, torção, luxação, dor muscular e etc…
Modo de fazer: 1. Lave a planta, em seguida triture bem para extrair um liquido escuro. 2. Misture esse liquido em gordura vegetal, e adicione um pouco de cera de abelha para dar uma consistência pastosa.
3. Leve ao fogo baixo e mexa até derreter e obter consistência homogênea, e depois aplique sobre o local desejado, ainda quente, mas em uma temperatura suportável.

Vaporização: Usa-se o óleo essencial ou com ervas frescas, serve para limpar, descongestionar e acalmar.
Modo de fazer: 1. Ferva água mineral
2. Retire do fogo e despeje em uma vasilha
3. Pingue 7 gostas de óleo essencial, ou coloque as ervas.
4. Cubra a cabeça e a vasilha com uma toalha e deixe o vapor agir por 7 minutos
5. Após isso, a pessoa não deve tomar friagem.

AXÉ E PAZ MEUS AMIGOS!!!

BANHOS DE ERVAS:

amaci-031

Os banhos de ervas são indicados para vários fins, como abrir caminhos, descarrego, limpeza espiritual, atrair sorte, prosperidade, afastar mal olhado, entre outros.
As Ervas tem um poder mágico vindo da natureza e auxilia em muitas curas e conquistas. Aliviando o peso de energias negativas acumuladas, preparando o corpo e o espírito para determinado ritual, ou purificando e consagrando objetos sagrados.
O banho de ervas, até como tratamento, não é de religião alguma, é da própria natureza. Se na Umbanda o utilizam, é porque os próprios espíritos desencarnados que se apresentam como pretos-velhos, caboclos, crianças etc., conhecem esses princípios e os utilizam largamente.

As ervas detêm grande quantidade de Axé (Energia mágico-universal, sagrada, força) que bem combinadas entre si, detém forte poder de limpeza da aura e produzem energias positivas.

Podemos usar a energia da natureza como auxílio no tratamento de depressões, insônia, ansiedade, angústia e uma série de doenças crônicas.
Com bom senso e é claro, com o acompanhamento médico necessário, tratando o espírito e o corpo (já que as doenças se propagam do perispírito para o corpo físico).

Antes de iniciar o preparo de qualquer banho deve-se acender uma vela para o orixá ou entidade para que eles energizem o banho, as ervas devem ser muito bem lavadas, e toda erva que sobrar deve ser devolvida a natureza.
Banho de ervas não é brincadeira, por tanto se concentre antes de fazer o banho, deixe a cozinha (ou espaço que for fazer) limpa, e sem pessoas atrapalhando.
Antes de tomar qualquer banho de erva, deve-se primeiro tomar o banho de higiene pessoal.

Banho de descarrego
arruda, alecrim, guiné, alfazema, espada de são Jorge, fumo de corda e casca de alho.
Elimina vibrações negativas, tomar do pescoço para baixo e (Não colocar sal grosso).
Ferva 1 litro de água mineral, coloque as ervas em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

Banho de atração e fixação– anis estrelado, canela em pau, cravo, hortelã, noz moscada (ralada) e rosa branca.
Adquirir vibrações positivas, tomar no corpo inteiro, inclusive a cabeça.
Ferva 1 litro de água mineral, coloque as ervas em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

Banho de prosperidade – 7 canelas em pau, 3 noz moscadas, 7 folhas de louro, 7 galhos de erva doce, 3 rosas amarelas (pétalas).
Ferva á água, e misture tudo, passe na peneira e tome o banho.
(tomar do pescoço para baixo).
Ferva 1 litro de água mineral, coloque as ervas em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

Banho estabilizador – 3 folhas de tapete de oxalá, 3 galhos de alecrim, 3 anis estrelado, 1 gengibre médio.
Utilize morno. (tomar do pescoço para baixo).
Ferva 1 litro de água mineral, coloque as ervas em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

Banho para recuperar a saúde – 250 gr de canjica branca, 7 gotas de mel.
Ferva em 1 litro de água mineral a canjica, coloque as gostas de mel e tome o banho. (corpo inteiro, incluindo a cabeça).

Banho de Exu – folha de manga espada, folha de jabuticabeira, coração de banana, folha de mamona e folha de figo benjamim.
(tomar do pescoço para baixo).
Ferva 1 litro de água mineral, coloque as ervas em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

 

Banho de Pombagira – 7 rosas vermelhas (pétalas), 1 taça de champanhe e perfume (o seu de preferencia).
Esse banho deve ser macerado, misture um pouco de água morna e despeje o banho do pescoço para baixo.

Banho de baiano – 3 pedaços de coco seco, 3 pedaços da casca do coco seco, água de coco seco, água de mar e metade de 1 limão (suco).
(tomar do pescoço para baixo).
Ferva 1 litro de água mineral, coloque os itens em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

Banho de caboclo – folhas de eucalipto cheiroso, 2 noz moscada, cravo, canela em pau, 1 maça cortada em quatro e 3 flores de maracujá.
(tomar do pescoço para baixo).
Ferva 1 litro de água mineral, coloque as ervas em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

Banho de preto velho – arruda, alecrim, guiné, 1 punhados de pó de café, folhas de café e grãos de café.
(tomar do pescoço para baixo).
Ferva 1 litro de água mineral, coloque as ervas em uma vasilha de vidro ou plastico, despeje a água. espere esfriar e tome o banho.

AXÉ IRMÃOS!!