Dialogo entre dois guardiões

guardiodameianoite7

Se tudo que existe foi criado e está contido em Deus, também as Trevas são parte desta complexa estrutura e, ao contrário do que supõem alguns, serve aos propósitos divinos.

O texto abaixo foi extraído do livro “O Guardião da Meia Noite” (Editora Madras / Rubens Saraceni – Pai Benedito de Aruanda), aparece aqui um dialogo entre O Guardião da Meia Noite e o Guardião dos Sete Portais das Trevas.

Vejam neste texto como Os Guardiões, Exus, de Umbanda têm muito a nos ensinar e muito fazem por merecer este grau na Lei à esquerda dos Orixás:

-E eu pensei:“Como era poderoso o Guardião dos Sete Portais das Trevas”, que leu o meu pensamento.

– Não pense que consegui o meu poder sendo um tolo. Sempre dormi com um olho aberto.Nunca deixei uma ofensa sem resposta, nem um inimigo mais fraco sem conhecer o meu poder. Nunca deixei de respeitar um igual ou de temer a um mais forte. Foi assim que consegui tanto poder. Também nunca saí da lei do carma. Não derrubo quem não merece, nem elevo quem não fizer por merecer. Não traio a ninguém mas também não deixo de castigar um traidor.
Continuar lendo