Historia de Exú


Na corte astral, celestial, havia um anjo chamado Lúcifer, Anjo Belo, o primeiro dos querubins, com grandes poderes e conhecimentos.
Estranhos sentimentos, orgulho e vaidade, penetraram em seu coração, fazendo com que conspirasse contra Deus, querendo o lugar do Altíssimo.
Conseguiu, o Anjo Belo arrebatar uma legião de anjos para o combate causando assim uma revolta celeste.
Sendo derrotado, o Anjo Belo, e obtendo assim a ira de Deus foi expulso e foi obrigado a levar a sua legião consigo.
Chamado de Satanás (adversário do Pai) e também de Exus (traidor do Povo) pelo Pai Criador.
Seu Belo, Satanás, Exu, Diabo, Capeta, o Cão, Demônio, são algumas formas de chamamento de seu Lúcifer o rei das Trevas, do mal, porém sua falange é organizada com muito rigor e dureza.

“Exú que tem duas cabeças,
mas ele olha sua gira com fé;
uma é satanás do inferno;
e a outra é de Jesus Nazaré.”

Assim como na Santíssima Trindade, as três manifestações do Altíssimo são:
Pai – Obatalá;
Filho – Oxalá;
Espírito Santo – Ifá.

Sua Alteza Lúcifer, também apresenta-se numa Trindade, comandando o reino dos Exus, sendo:
Lúcifer, Béelzebuth; Aschtaroth.
Continuar lendo